Blog do Doutor Jairo Bouer

Jovem que fica muito em rede social pode ter problemas emocionais

Jairo Bouer

ADOLESCENTE300Jovens que passam mais de três horas por dia em mídias sociais são duas vezes mais propensos a sofrer problemas de saúde mental, segundo levantamento divulgado pelo Escritório Nacional de Estatísticas do Reino Unido.

O relatório aponta níveis mais elevados de problemas emocionais e de comportamento, além hiperatividade, nas crianças e adolescentes que passam muito tempo em sites como Facebook, Twitter e Pinterest. Os dados foram divulgados no jornal britânico Daily Mail.

Entre 2012 e 2013, 56% dos jovens passaram até três horas por dia nas redes sociais. Cerca de 8% passam mais de três horas em um dia de aula. As meninas são bem mais propensas que os meninos – cerca de 11% delas gastam mais de três horas nos sites em relação a 5% dos colegas do sexo masculino.

O relatório constatou uma “clara associação” entre o tempo gasto em sites sociais e a incidência de problemas emocionais ou de comportamento.

O texto alerta que, embora as redes sociais sejam úteis para conectar as pessoas e estabelecer relações – o que é bom para a saúde mental, elas também são uma fonte de comparação, cyberbullying e isolamento.